É possível comprar imóvel sem entrada?

É possível comprar imóvel sem entrada? Riva Incorporadora

Ter a casa própria não é algo fácil, mas o mercado oferece diversas possibilidades, como comprar imóvel sem entrada. Confira!

O sonho de muitas pessoas é ter um imóvel próprio para morar. Porém, nem todas conseguem juntar o dinheiro suficiente para dar início à aquisição. Muita gente não sabe, mas é possível comprar apartamento sem entrada.

Nesse sentido, é importante ressaltar que isso acontece graças aos benefícios proporcionados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV), do Governo Federal. Ele foi criado para que as pessoas de baixa renda consigam comprar sua casa sem maiores dificuldades. Continue a leitura e saiba mais!

Como funciona comprar um imóvel sem entrada?

Não é fácil comprar um imóvel sem entrada, visto que é considerado um empréstimo de elevado risco. Entretanto, há no mercado imobiliário algumas linhas de crédito que conseguem oferecer a chance de financiar 100% do valor de um imóvel.

Para conseguir comprar o apartamento sem entrada, é fundamental analisar as possibilidades que o mercado apresenta. Por exemplo, é possível negociar a transação diretamente com a construtora, caso seu FGTS totalize 20% do valor do imóvel, e pelo Programa Minha Casa, Minha Vida.

Quando é possível comprar um imóvel sem entrada?

Como foi mencionado, existem algumas formas de comprar um apartamento sem entrada. Confira, a seguir, mais informações a respeito dessas modalidades!

Construtora

Você consegue comprar um imóvel sem entrada negociando diretamente com uma construtora. O processo é parecido com o financiamento feito em uma instituição financeira. Desse modo, o comprador precisa passar por uma análise de crédito, para que aconteça a aprovação do financiamento.

Saiba que, para conseguir esse benefício, é necessário que o seu saldo FGTS corresponda pelo menos 20% do valor total do imóvel. As construtoras oferecem diversas oportunidades de pagamento.

Sendo assim, é válido consultar as organizações da região em que você deseja morar para saber mais a respeito das condições ofertadas. Normalmente, as empresas de construção são mais flexíveis quando o imóvel ainda não está pronto.

Sistema de Financiamento Habitacional (SFH)

Uma das maneiras de conseguir comprar um imóvel sem entrada é por meio do Sistema de Financiamento Habitacional. Nessa situação, é preciso que o valor parcelado corresponda até 80% do valor total do imóvel. Você pode usar o FGTS ou outros recursos financeiros para pagar os 20% restantes.

Programa Minha Casa, Minha Vida

O Minha Casa, Minha Vida oferece diversas vantagens para as pessoas de baixa renda. Assim, vem sendo muito utilizado por quem não têm condições financeiras de dar uma entrada no imóvel.

O financiamento é realizado pela Caixa Econômica Federal, sem entrada, podendo ser solicitado conforme suas regras. Essa possibilidade leva em conta, especialmente, a faixa de renda do comprador.

Para conseguir esse benefício, é preciso ter mais de 18 anos, não apresentar nenhum imóvel próprio, utilizar o bem para morar, não ter sido beneficiado por outros programas habitacionais e viver ou trabalhar na cidade onde deseja fazer a aquisição.

As pessoas que se encaixam na faixa 1 do MCMV, são aquelas que têm uma renda de até R$ 2.640,00. O principal objetivo do governo é ajudar a população carente a ter uma moradia, por essa razão, esse grupo consegue financiar uma casa ou apartamento sem entrada.

Qual a importância de organizar as finanças para pagar o financiamento?

Organizar as finanças é primordial para conseguir pagar as parcelas do financiamento do imóvel em dia. Ao fazer um eficiente planejamento financeiro, você será capaz de perceber com clareza as suas movimentações, ou seja, suas receitas e despesas. Dessa forma, é possível saber para onde o dinheiro está indo. Veja como fazer isso de forma satisfatória!

Estabeleça seus principais objetivos

Ao decidir financiar um imóvel, os seus objetivos e metas pessoais precisam estar bem claros. Dessa forma, você sabe quais são suas reais prioridades no momento e evita gastos que podem afetar a realização do seu sonho.

Anote todos os seus gastos e ganhos

É quase que impossível organizar as finanças sem registrar os movimentos de suas despesas e receitas. Nesse sentido, busque tomar nota de todos os seus gastos mensais, por exemplo, fatura do cartão de crédito.

Dessa forma, você saberá realmente o quanto recebe e quanto gasta, e poderá avaliar possíveis cortes de gastos. Com isso, o pagamento do financiamento se tornará mais eficiente, já que terá dinheiro suficiente para a quitação das parcelas todos os meses.

Busque não fazer compras por impulso

Para quem está fazendo um financiamento do imóvel e tem preocupação com o pagamento das parcelas mensais, é fundamental evitar compras por impulso. Afinal, o dinheiro destinado à compra do apartamento poderá ficar comprometido com itens desnecessários.

Ao economizar recursos, você consegue quitar todas as parcelas sem maiores dores de cabeça. Hoje em dia, gastar com itens supérfluos só vai adiar a concretização do sonho. É preciso saber usar o dinheiro de forma mais racional.

Quais as consequências da inadimplência?

Ao decidir financiar um imóvel, é fundamental evitar ao máximo situações de inadimplência, já que essa prática pode ocasionar juros e multas nas parcelas. Assim, ao final do mês, você pode acabar ficando no vermelho.

Saiba que contratempos podem acontecer e, dessa forma, em algum mês, não será fácil pagar a parcela. Para evitar esse tipo de situação, é primordial ter uma reserva financeira, para que você tenha dinheiro para arcar com gastos extras.

A falta de segurança financeira pode ocasionar muitos problemas, como estresse. Logo, para evitar maiores problemas, é preciso se planejar para pagar o financiamento na data estabelecida pelo banco.

Como vimos, é possível, sim, comprar o imóvel sem entrada. O mercado oferece diversas oportunidades para quem deseja realizar o sonho da casa própria. Para isso, é essencial analisar as opções para saber qual é mais benéfica para você e sua família. O Programa Minha Casa, Minha Vida consiste em uma ótima opção, já que é oferecido pelo Governo Federal para auxiliar as famílias de baixa renda.

Gostou do nosso post? Então, aproveite para baixar nosso guia completo para comprar seu primeiro apartamento. Você não vai se arrepender!

Ah! E falando de Minha Casa, Minha Vida, sabia que a Direcional é referência em imóveis desse programa? Clique aqui e encontre seu apartamento agora mesmo!

Banner Final

A Direcional está presente em 13 estados e no Distrito Federal e há mais de 40 anos garante o sonho da casa própria para milhares de pessoas. São mais de 180 mil unidades entregues e outras centenas em construção em todo o território nacional.

  • +40
    Anos de Mercado
  • 13
    Estados brasileiros e Distrito Federal
  • + 6 mil
    Colaboradores
  • + 180 mil
    Unidades entregues e/ou incorporadas