O que é um financiamento conjunto e quais as suas vantagens?

O que é um financiamento conjunto e quais as suas vantagens? Riva Incorporadora

Entenda como funciona o processo de financiar um imóvel com a composição de renda entre duas ou mais pessoas. Conheça o financiamento conjunto!

O financiamento conjunto é um dos recursos que permitem a realização de grandes sonhos, como o de comprar um imóvel. Boa parte da população não teria acesso a algumas conquistas sem dividir a responsabilidade financeira que elas envolvem.

E quer algo mais especial do que compartilhar uma vitória? Se você não sabe muito bem como funciona o processo da composição de renda para requisitar um financiamento, aproveite para descobrir os principais detalhes aqui, neste post!

Como funciona o financiamento conjunto?

Comprar um imóvel à vista significa que uma ou mais pessoas conseguem cobrir todo o seu valor em uma única parcela, formalizando a aquisição do bem sem precisar de um prazo maior para concluí-la. Já no financiamento acontece o oposto, pois o valor total é pago em parcelas ao longo de um período de tempo.

O que nem todo mundo sabe é que existem limitações para conseguir financiar. Em geral, uma pessoa pode usar somente 30% do seu rendimento mensal para pagar a parcela. Supondo que você ganhe R$ 2.000,00 por mês, por exemplo, só poderá assumir o compromisso de uma parcela de até R$ 600,00.

Mesmo que tenha disponibilidade de gastar uma parte maior do seu salário, o seu poder de compra é limitado no caso dos financiamentos. Essa é como uma “regra de segurança” que as concessoras de crédito usam como referência.

Então, uma das grandes vantagens de fazer um financiamento conjunto é poder somar rendas e aumentar esse limite, o que também chamamos de composição de renda. Se você ganha R$ 2.000,00 mensais e quer comprar um apartamento com sua futura esposa ou futuro marido que ganha outros R$ 2.000,00 mensais, o valor da parcela pode chegar a R$ 1.200,00 — o que representa 30% da renda conjunta.

Essa oportunidade pode aumentar as opções de imóveis (incluindo alguns outros mais caros) e também reduzir o tempo para quitar a dívida (se você consegue pagar mais mensalmente, pode ser necessário um número menor de parcelas).

Quem pode juntar renda para o financiamento conjunto?

Esse é um ponto muito importante, até porque assumir uma dívida com alguém não é uma decisão tão simples e rotineira, certo? É comum que essa seja uma escolha entre casais que desejam comprar uma casa própria, mas não é preciso ser casado para conseguir o financiamento.

Existem outras possibilidades, como financiar um imóvel entre amigos ou outros graus de parentesco. Muitas pessoas acham que é necessário ter um contrato de matrimônio assinado para conseguir um financiamento, o que não é verdade. A união estável também é reconhecida e, como mencionamos, é possível compor renda com outras pessoas (amigos, pais, irmãos, tios, primos etc.).

Quem determina os critérios do financiamento conjunto é a instituição financiadora. Cada banco tem suas regras, como limitar que a compra envolva no máximo 3 pessoas, determinar a idade máxima das partes ou exigir parentesco por sangue ou afinidade. Nesse último caso, a compra de dois amigos pode não ser aceita.

Consultar essas informações com antecedência é fundamental para planejar o seu financiamento. E, claro, escolher pessoas de muita confiança para fazer isso, lembrando que no contrato é normal ter que especificar a porcentagem de cada proprietário para evitar problemas judiciais no futuro. Em caso de divórcio ou falecimento, o imóvel financiado entra na partilha de bens e a dívida também continua.

Quais as vantagens do financiamento conjunto?

Bom, agora que você já sabe que é possível fazer um financiamento conjunto com uma ou mais pessoas, vamos reforçar quais são os benefícios de fazer essa escolha. Confira as principais vantagens a seguir!

Facilidade de adquirir imóvel para quem não tem renda alta

A questão de combinar ou somar as rendas é com certeza um dos maiores atrativos. Quem não tem um rendimento mensal tão alto fica limitado na hora de fazer um financiamento e muitas vezes não consegue realizar o seu sonho.

Então, ter a ajuda de alguém para compartilhar esse compromisso acaba facilitando bastante.

Divisão do parcelamento mensal

O acesso ao imóvel fica mais fácil quando é feito por mais de uma pessoa, mas vale lembrar que o pagamento também. Por mais que a divisão dessa despesa não seja exatamente igual, ter uma ajuda para pagar as parcelas alivia o orçamento, não é verdade?

Nesse sentido, é importante ter um bom acordo desde o início com a pessoa que está dividindo essa responsabilidade com você. Decidam sobre como vai funcionar o pagamento das mensalidades e evitem desentendimentos, afinal, essa é uma conquista que deve ser comemorada e não um motivo de problemas.

Ter um planejamento das finanças pessoais é fundamental para qualquer perfil, ainda mais antes de tomar uma decisão tão relevante como financiar um apartamento ou uma casa própria.

Possibilidade de utilizar o FGTS para financiar

Outro ponto positivo de contar com mais uma pessoa na hora de financiar o imóvel é a oportunidade de usar o fundo de garantia para dar a entrada do financiamento, pagar parcelas ou amortizar a dívida. Juntando o dinheiro “guardado” por mais de uma pessoa, provavelmente o montante será maior.

O programa Minha Casa, Minha Vida aceita financiamento conjunto?

Sim, essa é uma boa notícia para pessoas de baixa renda que se enquadram nos pré-requisitos do Minha Casa, Minha Vida. O programa do governo aceita famílias que têm renda mensal de até RS 8.000,00, ou seja, juntando o rendimento de todos os membros não se pode ultrapassar esse valor. Os limites de valores são divididos em 3 faixas, já que isso influencia na taxa de juros paga.

Vale lembrar que esse tipo de financiamento de imóvel é feito por um agente financeiro (como a Caixa Econômica Federal), que faz a análise de crédito para selecionar os aprovados. Mesmo que não seja um financiamento conjunto, é essencial seguir os critérios do programa.

Gostou de saber mais sobre essa oportunidade? Se você gosta de ficar por dentro desse assunto e quer continuar acompanhando todas as nossas dicas, siga o perfil da Direcional nas redes sociais para conferir todas as novidades. Estamos no Instagram, no Facebook e no Twitter!

A Direcional está presente em 13 estados e no Distrito Federal e há mais de 40 anos garante o sonho da casa própria para milhares de pessoas. São mais de 180 mil unidades entregues e outras centenas em construção em todo o território nacional.

  • +40
    Anos de Mercado
  • 13
    Estados brasileiros e Distrito Federal
  • + 6 mil
    Colaboradores
  • + 180 mil
    Unidades entregues e/ou incorporadas