Valorização de imóveis: entenda o que é e como calcular o seu investimento

Valorização de imóveis: entenda o que é e como calcular o seu investimento Riva Incorporadora

A valorização de imóveis é um dos fatores que tornam o investimento imobiliário bastante promissor. Dessa forma, essa taxa é determinante para saber se seu apartamento passou por apreciação ou depreciação desde que você o comprou.

Pensando nisso, a Direcional preparou este artigo para você entender o que é a taxa de valorização do imóvel, como fazer o cálculo e a importância de escolher um empreendimento com bom potencial de valorização. Confira!

O que é a taxa de valorização do imóvel?

A taxa de valorização do imóvel é o cálculo que mostra o aumento do valor de um empreendimento ao longo do tempo — a variação de preço considera o valor na época em que o imóvel foi comprado e o preço atual.

Quando um empreendimento tem taxa de valorização positiva, o valor aumenta e esse aumento pode ser influenciado por diversos fatores, como: 

  • o mercado imobiliário favorável na região; 
  • as melhorias feitas no imóvel; 
  • os investimentos em desenvolvimento e infraestrutura no bairro.

É importante destacar que, em alguns casos, o valor do imóvel pode sofrer depreciação, conforme fatores econômicos e condições desfavoráveis do mercado imobiliário.

Índices de valorização de imóveis

Os índices a se considerar para o cálculo da taxa de valorização de imóveis são os seguintes:

  • Índice FipeZAP: é o principal índice e monitora o preço médio de venda de imóveis residenciais, com base em anúncios de casas para venda e locação. No segmento residencial, o cálculo envolve amostras de anúncios de apartamentos prontos em até 50 cidades do país;
  • Índice Geral do Mercado Imobiliário Residencial (IGMI-R): mede a valorização de imóveis residenciais adquiridos por meio de financiamento imobiliário no Brasil;
  • Índice de Valores de Garantia de Imóveis Residenciais (IVG-R): acompanha a variação dos valores de avaliação de imóveis residenciais;
  • Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M): índice utilizado para a correção de contratos de aluguel;
  • Índice Nacional de Custos da Construção (INCC): embora não seja um índice de valorização, é utilizado para acompanhar custos da construção civil, que podem influenciar os preços de imóveis.

Como fazer cálculo de valorização de imóveis?

A valorização anual de imóvel nada mais é que o aumento percentual do preço de um empreendimento ao longo do ano. Esse valor permite que os proprietários e os investidores acompanhem o desempenho de um imóvel durante o período.

A fórmula para calcular a valorização anual de um imóvel é a seguinte:

Taxa de valorização (%) =valor atual – valor inicialvalor inicial x 100

Valor venal do imóvel

O valor venal é uma estimativa de preço determinada pelo Poder Público para um imóvel. A partir desse valor, são calculados impostos como o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) e o ITBI (Imposto Sobre a Transmissão de Bens Imóveis).

Como escolher imóveis com bom potencial de valorização?

Para quem pretende investir em imóveis ou mesmo comprar um apartamento para morar, é essencial pensar na probabilidade de valorização do empreendimento. Alguns fatores são decisivos para essa escolha. Acompanhe as dicas!

Região em desenvolvimento

Imóveis em regiões com boa infraestrutura, incluindo fácil acesso ao transporte público, escolas e faculdades, grandes redes de supermercados, hospitais e postos de saúde, têm alto índice de valorização. 

Também é importante ter atenção às regiões em desenvolvimento — por exemplo, aquelas com projetos em andamento para estações de metrô e trem e grandes centros comerciais. Após a conclusão desses projetos, é muito provável que haja a valorização do imóvel.

Estrutura do imóvel

Tão importante quanto avaliar a infraestrutura do bairro é conhecer a estrutura da casa ou apartamento que você pretende comprar. Mesmo que seja um imóvel antigo, é essencial que ele esteja com a manutenção em dia: estrutura em geral, projeto elétrico e hidráulico,  entre outros, são detalhes que devem ser considerados. 

Sem contar com a estética do empreendimento, afinal, uma casa com um projeto arquitetônico bonito, com uma pintura novinha e um aspecto de casa bem cuidada tem grandes chances de valorização.

Condomínio fechado com área de lazer

Investir em casa ou apartamento em condomínio fechado é sinônimo de comodidade, segurança e valorização do imóvel. As pessoas têm fugido do trânsito intenso e dos espaços públicos lotados, priorizando áreas verdes para curtir um pouco da natureza em meio a agitação das metrópoles. 

Assim, os condomínios estão cada vez mais atrativos, oferecendo facilidades como espaço coworking para quem trabalha remotamente, espaço gourmet com churrasqueira, praças, redários e outros espaços arborizados para convivência, área de lazer com piscina e até mesmo minimercados para maior comodidade dos moradores.

Com tantos atrativos, os imóveis em condomínio têm um grande potencial de valorização e é interessante considerá-los na hora da compra.

Construtora renomada no mercado

Adquirir um imóvel de uma construtora com uma boa reputação, como a Direcional, é outro fator que influencia na valorização do imóvel, por uma série de motivos. 

Para começar, as construtoras de renome têm uma reputação a zelar. Assim, investem em materiais de alta qualidade em todas as etapas, fator que reduz significativamente a incidência de problemas estruturais.

Além disso, as grandes construtoras têm investido em projetos sustentáveis que colaboram, por exemplo, com a economia de água e energia, entre outros fatores, e tecnológicos, que oferecem, por exemplo, serviços de automação residencial.

As garantias e assistências técnicas após a entrega das chaves também favorecem a manutenção da casa ou apartamento, a eliminação de imprevistos e, consequentemente, contribuem para a valorização do imóvel.

Invista em um imóvel com potencial de valorização

A valorização de imóveis vai além do fator financeiro. A localização do empreendimento, a probabilidade de desenvolvimento da região, a estrutura, a estética e as tendências do mercado também não podem ser negligenciadas. Assim, você vai fazer um investimento promissor em um imóvel que terá taxas de valorização significativas.

A Direcional tem mais de 40 anos de mercado e aposta na tecnologia como a grande aliada do método construtivo. Hoje, a empresa é capaz de construir duas torres de cinco pavimentos, da fundação até o acabamento, em 45 dias, além de trabalhar 99,6% de industrialização e prezar pelos mais altos protocolos em segurança e sustentabilidade. Acesse nossos empreendimentos e faça sua escolha!

A Direcional está presente em 13 estados e no Distrito Federal e há mais de 40 anos garante o sonho da casa própria para milhares de pessoas. São mais de 180 mil unidades entregues e outras centenas em construção em todo o território nacional.

  • +40
    Anos de Mercado
  • 13
    Estados brasileiros e Distrito Federal
  • + 6 mil
    Colaboradores
  • + 180 mil
    Unidades entregues e/ou incorporadas